EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica V EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica ( 23 a 26 de Outubro de 2007)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/7028
Tipo: Artigo
Título: ESTUDO DA MORFOLOGIA FACIAL E DAS ALTERAÇÕES TRANSVERSAIS DA MAXILA EM BEBÊS
Autor(es): FURTADO, Daiane Marla
PROVENZANO, Maria Gisette Arias
RIOS, Daniela
FRACASSO, Marina de Lourdes Calvo
Resumo: Este estudo transversal identificou a morfologia facial e as medidas transversais da maxila, comparando-as em diferentes fases do desenvolvimento da dentadura decídua. A amostra foi composta por 60 bebês, de 6-36 meses de idade, de ambos os gêneros, com cronologia de erupção normal, sendo dividida em 3 grupos: G1-incisivos irrompidos; G2-incisivos e molares irrompidos (dentadura incompleta); G3-dentadura decídua completa. Os critérios de exclusão foram: cárie, traumatismo e alterações do desenvolvimento. Após as moldagens dos bebês, as mensurações das distâncias intercaninas e intermolares foram realizadas nos modelos com paquímetro digital Mitutoyo &#61666;. A classificação do tipo de arco foi feita no G3, em tipo I e II de Baume. A morfologia facial foi registrada por 3 examinadores em: mesofacial, dolicofacial, braquifacial. Nos resultados, não houve diferença significativa (p<0,05 – teste “t” Student) para as distâncias intercaninas e distâncias intermolares, entre os grupos G1 e G2. Encontrou-se diferença significante para as distâncias intermolares entre G1 e G3 e entre G2 e G3 (p>0,05 – teste “t” Student). Na amostra houve uma predominância do tipo mesofacial (80%) e do arco tipo I (80%). O mesofacial distribuiu-se igualmente nos valores abaixo ou acima das médias intercaninas e intermolares (p>0,05). Conclui-se que na idade estudada, a morfologia facial não foi influenciou nas dimensões transversais da maxila. Apesar das diferenças encontradas entre os grupos nas diferentes fases da dentadura decídua, recomenda-se a realização de registros longitudinais.
Palavras-chave: Crescimento transversal
Dentadura descídua
Maloclusão
Idioma: por
País: Brasil
Editor: UNIVERSIDADE CESUMAR
Sigla da Instituição: UNICESUMAR
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/7028
Data do documento: 19-Out-2005
Aparece nas coleções:V EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica ( 23 a 26 de Outubro de 2007)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
daiane_marla_furtado.pdf11.72 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.