EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica IV EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (19 a 22 de Outubro de 2005)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/6996
Tipo: Artigo
Título: RISCOS PARA A SAÚDE ASSOCIADOS AO SOBREPESO E À OBESIDADE
Autor(es): CARVAJAL, Anne Elise Saara Santos
GAGLIANONE, Cristina Pereira
PEREIRA, MIlene Enz Fagá
Resumo: O aumento do peso corporal na população tem sido observado em diversos países. Sobrepeso é tido como aumento excessivo do peso corporal total, o que pode ocorrer em consequência de modificações em apenas um de seus constituintes (gordura, músculo, osso e água) ou em seu conjunto. A obesidade, porém, refere-se especialmente ao aumento na quantidade generalizada ou localizada de gordura em relação ao peso corporal, associado a elevados riscos para a saúde. O presente estudo teve o objetivo de avaliar a prevalência de doenças associadas ao sobrepeso e obesidade. Participaram deste estudo 90 mulheres com idade entre 25 e 55 anos e diagnóstico nutricional de sobrepeso ou obesidade, atendidas em uma clínica de endocrinologia do município de Maringá. Os dados foram retirados do prontuário eletrônico da clínica. Foi utilizado o Índice de Quetelet para avaliação do estado nutricional. Dentre a população estudada, 42,2% apresentava sobrepeso, 32,2% obesidade grau I, 15,6% obesidade grau II e 10% obesidade grau III. Em relação à atividade física, 92,2% eram sedentárias. Pôde-se constatar que 62,2% da amostra apresentou alguma co-morbidade relacionada ao excesso de peso, sendo que 16% apresentou hipertensão, 85,7% apresentou dislipidemia e 26,8% apresentou intolerância à glicose oral ou diabetes. Vale ressaltar que alguns indivíduos apresentaram mais que uma doença associada. Também foi constatado que 48,9% da população apresentava ao menos um familiar de primeiro grau com excesso de peso, indicando a ação do componente hereditário. Os dados demonstram que, na população estudada, o sobrepeso e a obesidade estão associados a maiores riscos de desenvolver doenças. Além disso, os resultados ressaltam que o sedentarismo pode ser um agravante para o surgimento de doenças crônico - degenerativas. Os resultados indicam a importância do controle do peso corporal e de hábitos saudáveis como forma de evitar o surgimento e agravamento de doenças associadas ao excesso de peso.
Palavras-chave: Sobrepeso
Obesidade
Riscos para a saúde
Idioma: por
País: Brasil
Editor: UNIVERSIDADE CESUMAR
Sigla da Instituição: UNICESUMAR
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/6996
Data do documento: 19-Out-2005
Aparece nas coleções:IV EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (19 a 22 de Outubro de 2005)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
anne_elise_saara_santos_carvajal.pdf11.89 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.