EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica IV EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (19 a 22 de Outubro de 2005)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/6994
Tipo: Artigo
Título: PROMOÇÃO DE SAÚDE BUCAL UMA ESTRATÉGIA DE AÇÃO DENTRO DA PASTORAL DA CRIANÇA COMUNIDADE SÂO MARCOS DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ
Autor(es): LIMA, Aniele Andrade de
TORMENA, Mariana
TANAKA, Flávia Teixeira
KATO, Daniela Tiemi
RAFAEL, Paula Juliana Lemes
Resumo: A Pastoral da Criança é a maior Organização do Mundo, seu trabalho é dedicado à Saúde, nutrição e desenvolvimento da criança desde o seu nascimento. As ações em saúde bucal começaram em Maringá em marco de 2004, quando se implantou o Projeto na Comunidade São Marcos pertencente à Paróquia Santo Antônio de Pádua. O objetivo deste trabalho foi identificar as condições de saúde bucal das crianças, pais/responsáveis, pertencentes a esta Pastoral, paralelamente atividades educativo-preventivas foram desenvolvidas junto à população alvo, de forma a conscientizá-la sobre os cuidados em saúde bucal. Participaram acadêmicos do segundo e terceiro anos do Curso de Odontologia do Centro Universitário de Maringá – CESUMAR. Foram examinados dentes decíduos e permanentes seguindo as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS). Dos 40 examinados, 11 eram mulheres, sendo que 18,18% pertenciam a faixa etária de 20 a 30 anos de idade e obtiveram um CPO-D médio de 13,5. 54,54 % dessas mulheres que estavam na faixa de 31 a 40 anos de idade apresentaram um CPO-D médio de 16,83; 9,09% se encontravam na faixa etária de 41 a 50 anos e obtiveram um CPO-D médio de 13. E o grupo restante, 18,18%, de mulheres que tinham mais de 50 anos, obtiveram um CPO-D médio de 12. Entre os examinados, apenas um era homem com idade de 40 anos e apresentou um CPO-D de 9.0. Das crianças examinadas 18 eram meninas, sendo que 52,94 % pertenciam a faixa etária de 4 a 6 anos de idade, com o ceo-d médio de 2,55. 23,52 % pertenciam a faixa etária de 7-9 anos de idade, apresentaram ceo-d de 4,25. 23,52 % que se encontravam na idade de 10 a 14 anos obtiveram um CPO-D médio de 7,5. Pertenciam ao sexo masculino 10 dos examinados, sendo que 55,55 % apresentaram faixa etária de 2 a 4 anos de idade, com um ceo-d de 1,0. Pode-se concluir que o CPO-D encontrado nos adultos foi alto e o ceo-d das crianças aumentou com a idade, o que sugere a importância da manutenção de programas educativo-preventivos nesta comunidade.
Palavras-chave: Saúde bucal
Educação
Prevenção
Idioma: por
País: Brasil
Editor: UNIVERSIDADE CESUMAR
Sigla da Instituição: UNICESUMAR
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/6994
Data do documento: 19-Out-2005
Aparece nas coleções:IV EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (19 a 22 de Outubro de 2005)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
aniele_andrade_de_lima.pdf11.93 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.