EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica VI EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (27 a 30 de Outubro de 2009)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/6251
Tipo: Artigo
Título: A CULTURA AFRO-BRASILEIRA COMO SUBSIDIO NO CONTEXTO A CULTURA CORPORAL NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA
Autor(es): REIS, Vagner Ferreira
PEREIRA, Jacqueline da Silva Nunes
Resumo: Diante de várias indagações por parte do movimento negro acerca da contribuição do negro na formação da cultura e sociedade brasileira, preocupados com a reprodução do racismo na escola e na sociedade, houve a implantação da Lei. 10.639/03, que altera a LDB e institui a obrigatoriedade do ensino de história e cultura africana e afro - brasileira na educação básica. A partir desse pressuposto, esta pesquisa tem como objetivo estudar a cultura afro-brasileira como subsídio para abordagem da cultura corporal nas aulas de educação física. Portanto, apresentaremos a sua importância de desenvolver atividade nesta perspectiva na cultura corporal nas aulas de educação física, utilizando de livros, artigos e outras formas impressas e segmentos de estudos da cultura afro-brasileira. Espera-se, com esta pesquisa, que o conhecimento sobre a cultura afro - brasileira possa despertar a consciência do educando e a reflexão crítica a cerca da pratica pedagógica dos profissionais de educação física. A cultura propicia ao individuo as experiências, vivências e varias formas de conhecer o mundo, as particularidades e semelhanças construídas pelos seres humanos ao longo do processo histórico e social. É por meio da cultura que se estipulam regras, e se constrói valores e significações que possibilitam o contato e a comunicação entre os indivíduos, além de proporcionar ao individuo adaptações ao meio em que vive ou diferentes meios sociais. SANTOS ( 2003) diz que Cultura é uma preocupação contemporânea, bem viva nos tempos atuais. O mesmo autor ainda diz que há uma preocupação em entender os muitos caminhos que conduziram os grupos humanos às suas relações presentes e suas perspectivas de futuro. Diante desse pressuposto é fundamental atentarmos para a cultura afro – brasileira que muito contribuiu para a formação da cultura da sociedade brasileira, pois não podemos deixar que a herança africana caia no esquecimento, muitas vezes mascarada e marginalizada frente a contribuição dos europeus. Durante muito tempo a escravidão, assim como a historia, a cultura e a religião dos negros tanto africanos, quanto afrobrasileira foi abordado, e estudada a partir da ótica do modelo europeu. Isso produziu um quadro ruim para os afro-descendentes em todas as áreas da sociedade brasileira como no trabalho, saúde, educação, moradia e nos meios de lazer. A cultura européia como cultura hegemônica é tão influente e marcante que até há pouco tempo o próprio afro - descendente ignorava sua herança cultural africana, tendo como ideal exclusivo os valores europeus. Há muito já se percebeu que a diversidade cultural, o fato de o Brasil ser uma pais mestiço, em que povos se misturam, pretos, brancos, amarelos, índios, representa uma grande riqueza sobretudo cultural. Sendo assim é importante mostrar as contribuições marcantes de uma cultura que até hoje exerce grande influência em nossa sociedade, nesse aspecto, podemos destacar a religiosidade, a música que ecoa no mundo todo, o tipo físico do brasileiro, a culinária e a capoeira, exemplos da contribuição da cultura africana para a cultura brasileira. Nesse contexto é fundamental que a cultura afro-brasileira seja um subsidio à cultura corporal e que possa ser entendida como ação indispensável nas aulas de educação física, na qual os alunos vivenciam as diferentes manifestações culturais e corporais. Podemos concluir que o intuito desta pesquisa é subsidiar a cultura afro-brasileira, no contexto da cultura corporal nas aulas de educação física, como arcabouço teórico da cultura popular, num momento histórico onde o educando e educadores estão imersos em transformações culturais relacionadas ao movimento corporal. Esse movimento de certa forma, demonstra uma nova reestruturação das ações humanas no âmbito escolar, dando uma nova significação a disciplina de educação física.
Palavras-chave: Cultura afro-brasileira
Cultura corporal
Educação física
Idioma: por
País: Brasil
Editor: UNIVERSIDADE CESUMAR
Sigla da Instituição: UNICESUMAR
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/6251
Data do documento: 27-Out-2009
Aparece nas coleções:VI EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (27 a 30 de Outubro de 2009)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Vagner_Ferreira_Reis.pdfTrabalho apresentado no VI Encontro Internacional de Produção Cientifica (27 a 30 de outubro de 2009)54.37 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.