01 - CAMPUS MARINGÁ 3. TESES E DISSERTAÇÕES PROMOÇÃO DA SAÚDE
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/563
Tipo: Dissertação
Título: Caracterização da incidência e cuidados com recém-nascidos de alto risco em um hospital filantrópico da Microrregião Norte do Paraná: antes e após implantação da Rede Cegonha
Autor(es): ANDRADE, Sandra Mara Aparecida dos Santos de
Primeiro Orientador: BERNUCI, Marcelo Picinin
Abstract: O presente estudo caracterizou o cenário de internamentos de recém-nascidos (RNs) em unidades de terapia intensiva neonatal (UTINs) exclusivas do sistema único de saúde (SUS) de um hospital filantrópico da Microrregião Norte do Paraná durante os períodos correspondentes a pré e pós-implantação do programa Rede Cegonha (RC). Foram analisados dados que caracterizaram tanto o perfil dos RNs internados quanto de suas mães obtidos de 248 prontuários hospitalares (42 da fase pré e 206 da fase pós) dos RNs internados na UTIN do referido hospital. Quanto as variáveis relacionadas à mãe do RN, no período pré houve uma prevalência de mães que tiveram infecção do trato urinário durante a gestação; doença hipertensiva específica da gestação; antecedente obstétrico de pelo menos 1 parto pré-maturo e hipertensão arterial sistêmica. No período pós a maior prevalência foi de RNs cujas mães tiveram anteriormente ao referido parto 1 a 2 abortos e gravidez gemelar. Quanto as variáveis relacionadas ao RN propriamente dito, no período pré houve uma prevalência de neonatos que tiveram que receber durante a internação na UTIN drogas vasoativas e aleitamento materno. No período pós a maior prevalência foi de RNs que apresentaram baixo peso ao nascer e prematuridade. Independente do período avaliado, pré ou pós-implantação da Rede Cegonha, mais de 50% dos prontuários não continham informações sobre as mães dos RNs como uso de drogas lícitas e/ou ilícitas e intercorrências da gestação o que prejudicou a análise comparativa entre os períodos. De forma geral, os resultados obtidos nos permitem sugerir que a implantação da Rede Cegonha na microrregião Norte do Paraná influenciou o cenário dos internamentos de RNs em UTINs, cujos fatores associados ao internamento se distinguem entre os períodos pré e pós-implantação da rede, prevalecendo os fatores relacionados a intercorrências da gestação no período pré e fatores relacionados a história obstétrica da mãe e ausência de pré-natal adequado no pós.
Palavras-chave: Recém-nascido
Fatores de risco
Neonatologia
Unidade de terapia intensiva
Idioma: por
País: Brasil
Editor: UNIVERSIDADE CESUMAR
Sigla da Instituição: UNICESUMAR
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/563
Data do documento: 26-Fev-2015
Aparece nas coleções:PROMOÇÃO DA SAÚDE

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
SANDRA MARA APARECIDA DOS SANTOS DE ANDRADE.pdfDissertação680.49 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.