EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica VII EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (25 à 28 de Outubro de 2011)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4711
Tipo: Artigo
Título: GÊNERO E COLONIALISMO. A VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER E A COLONIZAÇÃO EM OUR LADY OF THE MASSACRE.
Autor(es): OLIVEIRA, Daniela de Cássia Berlotti Traspadini
PARADISO, Sílvio Ruiz
Abstract: A intersecção do pós- colonialismo e o feminismo têm como foco negligenciadas questões: o colonizado e a mulher, respectivamente. Enquanto o feminismo, abordando as questões de gênero e sexualidade, tenta lutar para a libertação da mulher sob o sistema patriarcal, o pós- colonialismo dá ao colonizado a chance de lutar contra o legado imperialista.Este artigo propõe uma análise do conto Our Lady of the Massacre (1976),de Angela Carter que se desenvolve no período colonial norte-americano. A partir da teoria pós- colonial, analisar-se-á colonialismo, gênero e a violência sofrida pela mulher frente ao patriarcalismo, uma relação análoga mulher/colônia. Também, verificar-se-á as consequências da luta do outro/colonizado feminino para subverter o poder patriarcal e imperial representados na figura do Outro/colonizador masculino.
Palavras-chave: Feminismo
Patriarcalismo
Pós-colonialismo
Idioma: por
País: Brasil
Editor: UNIVERSIDADE CESUMAR
Sigla da Instituição: UNICESUMAR
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4711
Data do documento: 25-Out-2011
Aparece nas coleções:VII EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (25 à 28 de Outubro de 2011)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
daniela_cassia_berlotti_traspadini_oliveira.pdfTrabalho apresentado na modalidade grupo de discussão no VII EPCC Encontro Internacional de Produção Científica (25 a 28 de outubro de 2011)102.93 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.