01 - CAMPUS MARINGÁ 1. TCC AGRONOMIA
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4628
Tipo: Artigo
Título: AVALIAÇÃO DA SENSIBILIDADE DE Exserohilum turcicum A FUNGICIDAS SISTÊMICOS
Autor(es): LUSTRI, Bárbara Maria
Primeiro Orientador: GASPAROTTO, Francielli
Abstract: O uso intensivo e sem critérios de fungicidas sistêmicos no combate de doenças na cultura do milho pode selecionar populações resistentes de patógenos, tornando o controle mais difícil e aumentando as perdas na cultura. Entre esses patógenos, pode estar o fungo Exserohilum turcicum, agente causal da helmintosporiose, doença que causa redução no índice de área foliar verde. Assim, objetivou-se avaliar a sensibilidade do agente causal da helmintosporiose aos fungicidas sistêmicos tebuconazol, trifloxistrobina + tebuconazol e azoxistrobina + benzovindiflupir. Foram obtidos seis isolados do patógeno a partir de plantas de milho sintomáticas na região de Maringá, e em seguida foram realizados bioensaios para avaliar a sensibilidade do crescimento micelial de Exserohilum turcicum aos fungicidas selecionados, nas concentrações de 1, 10, 50 e 100 ppm mais a testemunha. O delineamento experimental adotado foi o inteiramente casualizado com 4 repetições. Para a quantificação do crescimento micelial foram feitas medições perpendiculares das colônias fúngicas em cada tratamento. Os dados foram submetidos a uma análise de regressão, obtendo-se o ED50. O princípio ativo trifloxistrobina + tebuconazol apresentou-se altamente fungitóxico para metade dos isolados e para o restante medianamente fungitóxico, e nesse caso os isolados foram classificados com alta e média sensibilidade, respectivamente. Para o fungicida tebuconazol, dois dos isolados apresentaram alta sensibilidade e os restantes foram medianamente sensíveis. Detectou-se um isolado insensível à mistura azoxistrobina + benzovindiflupir e os demais apresentaram alta e média sensibilidade ao produto. Conclui-se que entre os fungicidas avaliados apenas a mistura azoxistrobina + benzovindiflupir apresentou um isolado insensível ao produto, ou seja, resistente a ele.
Palavras-chave: Helmintosporiose
Controle químico
Resistência
Idioma: por
País: Brasil
Editor: UNIVERSIDADE CESUMAR
Sigla da Instituição: UNICESUMAR
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4628
Data do documento: 4-Nov-2019
Aparece nas coleções:AGRONOMIA

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BÁRBARA MARIA LUSTRI.pdfTrabalho de conclusão de curso de graduação apresentado ao Centro de Ciências Exatas, Tecnológicas e Agrárias da UNICESUMAR - Centro Universitário de Maringá como requisito parcial para a obtenção do título de bacharel em Agronomia, sob a orientação do Profa. Dra. Francielli Gasparotto1.03 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.