EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica VIII EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (22 à 25 de Outubro de 2013)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4257
Tipo: Artigo
Título: AVALIAÇÃO DA INFILTRAÇÃO MICROBIANA EM CIMENTO OBTURADOR ENDODÔNTICO À BASE DE MTA
Autor(es): PANERARI, Alini Leopoldo da Silva
HORVATH, Mara Cristina Vasconcelos
VICTORINO, Fausto Rodrigo
Abstract: O presente estudo avaliou a infiltração microbiana em obturações endodônticas realizadas com três diferentes cimentos: MTA Fillapex® - Grupo I, Sealer 26® -Grupo II e AH Plus® - Grupo III, com ênfase para o Cimento MTA Fillapex®, lançado recentemente no mercado e com poucos estudos. Os microrganismos utilizados foram Enterococcus faecalis, Pseudomonas aeruginosa e Candida albicans.Cada grupo foi composto por dezoito raízes de dentes humanos extraídos de canal único e reto. As mesmas foram instrumentadas e obturadas de acordo com cada cimento. Foi confeccionado um dispositivo adaptando- se as raízes na porção inferior de tubos Eppendorf® de modo que dois terços se projetem para fora do tubo plástico. A junção entre raiz e tubo foi selada com araldite, cianoacrilato e esmalte para unhas. O dispositivo Eppendorf e raiz obturada foram fixados em frasco tipo penicilina, contendo 7ml de caldo estéril “Brain heart infusion”. Os microrganismos foram transferidos para a porção superior do tubo. Todos os conjuntos foram incubados em estufa bacteriológica a 37°C e, a cada sete dias, a suspensão de microrganismos foram renovadas. A leitura foi realizada a cada 24h, durante 60 dias, avaliando a ocorrência de turvação no meio de cultura. Os resultados foram submetidos ao teste estatístico Kruskal- Wallis (p<0,05). Aproximadamente 63% das amostras infiltraram ao final dos 60 dias. Quanto ao tempo necessário para a infiltração não houve diferença significativa entre os cimentos obturadores. Com relação aos microrganismos utilizados o que apresentou maior capacidade infiltrativa foi o Enterococcus faecalis, seguido da Pseudomonas aeruginosa e Candida albicans.
Palavras-chave: Cimento endodôntico
Infiltração dentária
Obturação radicular
Idioma: por
País: Brasil
Editor: UNIVERSIDADE CESUMAR
Sigla da Instituição: UNICESUMAR
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4257
Data do documento: 22-Out-2013
Aparece nas coleções:VIII EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (22 à 25 de Outubro de 2013)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
alini_leopoldo_da_silva_panerari.pdfTrabalho apresentado na modalidade painel no VIII Encontro Internacional de Produção Científica (22 a 25 de outubro de 2013)245.42 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.