EVENTOS Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação Científica IX Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação Científica e II Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação 2018
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/2027
Tipo: Artigo
Título: ESCLEROSE LATERAL AMIOTRÓFICA: TRATAMENTO E CUIDADOS MULTIDISCIPLINARES
Autor(es): CRESTANI, Letícia Novak
OLIVEIRA, Maria Eduarda Santos Avanzi de
SILVA, Maria Fernanda Piffer Tomasi da
Abstract: A Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) é uma doença motora neurodegenerativa que afeta significativamente a qualidade de vida do paciente. O diagnóstico é definido clinicamente e um dos seus critérios é o local acometido pela doença: neurônios motores bulbares, cervicais, torácicos e lombossacrais. Alguns eventos como fatores genéticos, danos oxidativos, acúmulo de agregados intracelulares, disfunção mitocondrial, patologia de células gliais e defeito de transporte axonal, são relacionados com a gênese do processo degenerativo que ocorre na ELA. As manifestações clínicas mais comuns se caracterizam com um início da disfunção do neurônio motor inferior e desenervação precoce, determinando um início insidioso de fraqueza assimétrica em um dos membros distais. Em geral, o paciente pode revelar ter tido câimbras nas primeiras horas da manhã antes desses sintomas. Pode haver comprometimento do músculo bulbar também, causando dificuldade de deglutição. Na tentativa de reduzir os efeitos da doença e aumentar a expectativa de vida do paciente surgiram medicamentos com diferentes mecanismos de ação. Além da medicação, o tratamento de suporte nutricional e respiratório, bem como cuidados avançados no fim da vida, são extremamente relevantes aos pacientes. O manejo da insuficiência respiratória se dá através de suporte ventilatório e abordagens farmacológicas. Já o manejo nutricional se faz com alterações na consistência dos alimentos, alimentação assistida e suplementos nutricionais de alta caloria. Além disso, existem alguns cuidados multidisciplinares que melhoram a qualidade de vida do acometido. O objetivo desse trabalho é realizar uma revisão dos tipos de tratamentos da Esclerose Lateral Amiotrófica, coletar informações sobre as terapias farmacológicas e não farmacológicas, bem como nortear projetos e pesquisas futuros. Para isso será feita uma revisão sistemática a partir das bases de dados PubMed, Scielo, Lilacs e UpToDate de setembro a outubro de 2018, em que serão reunidas pelo menos 20 bibliografias sobre o assunto. A partir daí será realizada uma avaliação de títulos e resumos para definir critérios de inclusão e exclusão. Espera-se que nesse artigo sejam reunidas informações sobre os vários tipos de tratamento da ELA e que ele possa contribuir para auxiliar no desenvolvimento de pesquisas e projetos futuros.
Palavras-chave: Esclerose Lateral Amiotrófica
Tratamento
Multidisciplinar
Idioma: por
País: Brasil
Editor: UNIVERSIDADE CESUMAR
Sigla da Instituição: UNICESUMAR
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/2027
Data do documento: 23-Out-2018
Aparece nas coleções:IX Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação Científica e II Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação 2018

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
leticia_novack_crestani_1.pdfTrabalho apresentado na modalidade comunicação oral no IX Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação Científica e II Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (23 a 26 de outubro de 2018)543.54 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.