EVENTOS Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação Científica IX Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação Científica e II Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação 2018
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/2142
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSOUZA, Raquel Cosin de-
dc.creatorCAGNI, Gilsemara dos Santos-
dc.creatorBEHEREND, Rômulo-
dc.creatorLIZAMA, Maria De Los Angeles Perez-
dc.date.accessioned2019-08-23T18:40:51Z-
dc.date.available2019-08-23T18:40:51Z-
dc.date.issued2018-10-23-
dc.identifier.isbn978.85.459.1280-4-
dc.identifier.urihttp://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/2142-
dc.description.abstractA ação direta do homem juntamente com o avanço do urbanismo tem causado grandes impactos aos recursos hídricos e suas extensões e estes impactos promovem alterações no meio ambiente. As modificações e as alterações ambientais, podem ser identificadas antes mesmo de causarem um dano maior, por meio de bioindicadores que são organismos vivos que podem ser observados sem a necessidade de microscópio. Os macroinvertebrados estão relacionados em muitos processos com o ambiente aquático, tendo características relevantes, apresentando vantagens na utilização dos mesmo em relação a avaliação da qualidade da ´água. São encontrados praticamente em todos os ecossistemas aquáticos, sua limitada capacidade de locomoção mostra que sua ausência ou existência esta diretamente ligada com as condições do habitat, possuem facilidade de manipulação experimental e garantem resultados mais precisos, são tolerantes a vários graus de impacto. Os insetos aquáticos são primordiais na cadeia alimentar por serem decompositores e fragmentadores de matéria orgânica, sendo possível observa-los antes e após eventos antrópicos nos locais estudados. Com o objetivo realizar um estudo sobre a qualidade dos corpos de água, por meio de macroinvertebrados, identificando-os como bioindicadores na avaliação dos recursos hídricos. Este estudo baseia-se em uma análise comparativa entre dois rios, o córrego Cleópatra e o córrego Nazareth, ambos localizados na cidade de Maringá no estado do Paraná, serão realizadas coletas em diferentes em diversos pontos de coleta (no mínimo 3) dos córregos, em diferentes estações do ano, entre agosto de 2017 a julho 2018, utilizando um pegador Petersen. Os macroinvertebrados serão identificados e analisados quantitativamente. Os dados serão analisados por meio de testes estatísticos para verificar se existe diferenças entre riqueza e abundância das espécies encontradas, bem como as diferenças entre as espécies e o gradiente longitudinal de cada corpo de água, desde nascente, além de verificar quais as características mais importantes para a distribuição destas espécies. Será realizada uma análise comparativa, entre o material coletado em ambos os córregos, para averiguação da existência de alterações naturais ou de ação antrópica na qualidade da água.pt_BR
dc.languagepor-
dc.publisherUNIVERSIDADE CESUMARpt_BR
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectBioindicadorespt_BR
dc.subjectCorpos de águapt_BR
dc.subjectMonitoramento ambientalpt_BR
dc.subjectRecursos hídricospt_BR
dc.titleUTILIZAÇÃO DE MACROINVERTEBRADOS NA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DA ÁGUA SOB A INFLUENCIA DO HOMEMpt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.initialsUNICESUMAR-
Aparece nas coleções:IX Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação Científica e II Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação 2018

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
raquel_cosin_souza_2.pdfTrabalho apresentado na modalidade comunicação oral no IX Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação Científica e II Mostra Interna de Trabalhos de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (23 a 26 de outubro de 2018)404.05 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.