EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica X EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (24 à 26 de Outubro de 2017)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/1657
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorPALAORO, Greyze Maria-
dc.creatorGONÇALVES, Pamela-
dc.creatorOLIVEIRA, Verônica Rosemary de-
dc.creatorMALACARNE, Vilmar-
dc.date.accessioned2019-08-14T19:52:25Z-
dc.date.available2019-08-14T19:52:25Z-
dc.date.issued2017-10-24-
dc.identifier.isbn978-85-459-0773-2-
dc.identifier.issn2594-4991-
dc.identifier.urihttp://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/1657-
dc.description.abstractEste trabalho tem como objetivo levantar reflexões acerca da experimentação no Ensino de Ciências. Muito discute-se sobre a importância das aulas práticas na disciplina de Ciência, a fim de que elas promovam um aprendizado significativo para os educandos. Contudo, não basta levar o aluno a experimentar, sem compreender as concepções, envolvidas nesta prática metodológica, que embasarão tal experimentação. Assim, pretende-se, por meio de uma pesquisa bibliográfica sobre experimentação no Ensino de Ciências, levantar dados sobre quais os métodos e concepções mais utilizados para a realização destas práticas em laboratório de ciências, considerando a perspectiva de diversos autores. Foi realizada uma busca direcionada em artigos científicos e livros que tratam da experimentação no Ensino de Ciências, para conhecer como os pesquisadores compreendem esta temática e, quando praticada a experimentação, se ela se torna agente limitador ou possibilitador de aprendizagem. Percebemos que a utilização da experimentação é de fundamental importância para o aprendizado dos conteúdos das Ciências Naturais. Na mesma direção, entendemos que o papel do professor, enquanto mediador do processo de ensino e aprendizagem, possibilita ou impede a transformação da experimentação em um aprendizado significativo para o aluno, dependendo da concepção de experimentação que possui. Contudo, embora certos das influências positivas das práticas experimentais no aprendizado dos alunos, visualizamos que alguns problemas de fundo conceitual foram encontrados e precisam ser revistos para a eficácia das aulas experimentais no Ensino de Ciências.pt_BR
dc.languagepor-
dc.publisherUNIVERSIDADE CESUMARpt_BR
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectAula práticapt_BR
dc.subjectLaboratório de Ciênciaspt_BR
dc.subjectProfessor Mediadorpt_BR
dc.titleEXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIAS: POSSIBILIDADES OU LIMITAÇÕESpt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.initialsUNICESUMAR-
Aparece nas coleções:X EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (24 à 26 de Outubro de 2017)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
epcc--79719.pdfTrabalho apresentado na modalidade comunicação oral no X Encontro Internacional de Produção Científica (24 a 26 de outubro de 2017)203.35 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.