EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica X EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (24 à 26 de Outubro de 2017)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/920
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorHEDLER, Dayne Loraine-
dc.creatorARTACHO, Bruno Meneguin-
dc.creatorSILVA, Stefania Caroline Claudino da-
dc.creatorOLIVEIRA, Daniele Portela de-
dc.date.accessioned2019-07-03T16:44:51Z-
dc.date.available2019-07-03T16:44:51Z-
dc.date.issued2017-10-24-
dc.identifier.isbn978-85-459-0773-2-
dc.identifier.issn2594-4991-
dc.identifier.urihttp://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/920-
dc.descriptionTipo de Apresentação: PAINEL Eixo Temático: Ciências Agráriaspt_BR
dc.description.abstractNeoplasias de glândulas mamárias são responsáveis por aproximadamente 50% dos tumores que acometem os cães, sendo essa a espécie doméstica que apresenta a maior incidência de tumores de mama. A idade representa um dos fatores de risco mais importantes. Além disso, fêmeas não castradas são mais susceptíveis a desenvolver tumores e outros fatores como alimentação, utilização de anticoncepcional e a condição racial podem interferir na susceptibilidade do animal em desenvolver tumores em mama. O conhecimento da natureza histopatológica de neoplasias mamárias é o principal guia que orienta os procedimentos cirúrgicos e quimioterápicos. O primeiro sistema de classificação histológica de neoplasias mamárias em cães foi publicado pela Organização Mundial de Saúde em 1974. Existem diversos estudos que sugerem fatores que interferem no prognóstico de neoplasias mamárias em cães, sendo o tamanho do tumor, o estágio clínico e a condição do linfonodo regional os fatores mais encontrados na literatura. Em tumores mamários, caracteres fenotípicos como idade, porte, morfologia tumoral e classificação histopatológica podem ou não estar correlacionados. Estudos epidemiológicos em animais são utilizados visando a obtenção de dados sobre a prevalência de várias doenças compiladas de acordo com raça, sexo, idade ou o ambiente, contribuindo com a identificação de fatores de risco. Dessa forma, o objetivo desta pesquisa é avaliar a correlação entre caracteres fenotípicos associados ao tumor de mama em cadelas submetidas à mastectomia entre os anos de 2001 e 2018 no hospital veterinário da instituição de ensino Unicesumar em busca de elucidar fatores de risco de fácil visualização.pt_BR
dc.languagepor-
dc.publisherUNIVERSIDADE CESUMARpt_BR
dc.relation.ispartofseries79433-
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectNeoplasias mamáriaspt_BR
dc.subjectcaracteres fenotípicospt_BR
dc.subjectepidemiologiapt_BR
dc.titleANÁLISE DE CORRELAÇÃO FENOTÍPICA ENTRE AVALIAÇÃO MORFOLÓGICA E HISTOPATOLÓGICA DE TUMORES MAMÁRIOS EM CADELAS E FATORES RELACIONADOS À IDADE E PORTE DO ANIMALpt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.initialsUNICESUMAR-
Aparece nas coleções:X EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (24 à 26 de Outubro de 2017)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
79433.pdfTipo de Apresentação: PAINEL Eixo Temático: Ciências Agrárias170.84 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.