01 - CAMPUS MARINGÁ 3. TESES E DISSERTAÇÕES PROMOÇÃO DA SAÚDE
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/566
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSILVEIRA, Terezinha Pelinski da-
dc.date.accessioned2018-05-28T17:37:07Z-
dc.date.available2018-05-28T17:37:07Z-
dc.date.issued2015-02-26-
dc.identifier.urihttp://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/566-
dc.description.abstractO estudo aborda o rastreamento dos resultados dos eventos adversos nas internações no Sistema Único de Saúde, no Estado do Paraná, no ano de 2011. O objetivo é descrever a regularidade dos eventos adversos, através da frequência de rastreadores de potenciais resultados nas internações no SUS, no ano de 2011, no Estado do Paraná – Brasil. O estudo é do tipo retrospectivo, tendo como sujeitos abordados na pesquisa, todos os prontuários disponíveis em banco de dados públicos com base no Sistema de Informação Hospitalar do Sistema Único de Saúde (SIH-SUS), através da Autorização de Internações Hospitalares – AIH, exclusivamente financiada pelo SUS, independente do âmbito, federal, estadual, municipal, privada, entre outras, sendo o cuidado de longa ou curta permanência durante a hospitalização do paciente, independente de idade e sexo. O rastreamento de resultados adversos utilizou screening, mensurando as 11 condições clinicas, fundamentadas nas teorias desenvolvidas por Needleman et al.(2002) e aplicadas por Van Den Heedeet al.(2006) através da Classificação Internacional de Doenças na décima revisão (CID-10), no rastreamento e classificação das variáveis. Resultados: No ano de 2011, foram registradas 762.982 internações no Estado do Paraná, correspondente 7,3% da população do estado, sendo rastreados 116.785 eventos adversos, totalizando 15,30% das internações. O rastreador de resultado adverso mais frequente foi Pneumonia Hospitalar (46,42%) e a maior taxa de mortalidade foi encontrada no rastreador Sepse Hospitalar (29,51%). A identificação de alto percentual de resultados adversos nas internações, sinaliza a necessidade de desenvolver estratégias de monitoramento e melhorias orientadas para a segurança do paciente.pt_BR
dc.languagepor-
dc.publisherUNIVERSIDADE CESUMARpt_BR
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectSegurança do pacientept_BR
dc.subjectAssistência hospitalarpt_BR
dc.subjectResultados adversospt_BR
dc.subjectCuidados da saúdept_BR
dc.titleEventos nas internações no Sistema Único de Saúde: rastreamento de resultados adversos no estado do Paranápt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.contributor.advisor1GIMENES, Régio Marcio Toesca-
dc.contributor.advisor-co1YAMAGUCHI, Mirian Ueda-
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.initialsUNICESUMAR-
Aparece nas coleções:PROMOÇÃO DA SAÚDE

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TEREZINHA PELINSKI.pdfDissertação713.21 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.