EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica VII EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (25 à 28 de Outubro de 2011)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4806
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorCANTAGALLI, Marcela-
dc.creatorSILVA, Thais Michelle Possale da-
dc.creatorPALÁCIO, Siméia Gaspar-
dc.date.accessioned2020-02-03T20:10:57Z-
dc.date.available2020-02-03T20:10:57Z-
dc.date.issued2011-10-25-
dc.identifier.isbn978-85-8084-055-1-
dc.identifier.urihttp://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4806-
dc.description.abstractO Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) é uma disfunção neurológica que acarreta distúrbios emocionais, comportamentais, perceptivos e motores, tendo maior incidência em crianças e adolescentes (COUTINHO et al., 2009; THOMPSON, 2002). Na infância, o TDAH constitui um dos distúrbios mais frequentes, acometendo 5,29% das crianças, sendo mais prevalente no gênero masculino (CONNERS, 2009). Os sintomas psicomotores do quadro de TDAH formam um conjunto deficitário, levando as alterações motoras, cognitivas, de coordenação e de equilíbrio, dificultando dessa maneira o desenvolvimento infantil (SOUZA, 2006). Sendo assim, o diagnóstico precoce e o respectivo tratamento possibilitam ao indivíduo a chance de amenizar os problemas motores, de aprendizagem e de socialização.O presente estudo tem como objetivo avaliar a influência da fisioterapia no equilíbrio corporal de crianças com hiperatividade na faixa etária de 6a 11 anos. Serão selecionadas 20 crianças com diagnóstico clínico de TDAH encaminhadas por uma psiquiatra, sendo excluídos do estudo indivíduos que apresentarem além do TDAH, outros distúrbios de natureza neurológica ou psiquiátrica e os deficientes visuais e mentais. Posteriormente, será realizada uma avaliação do desenvolvimento motor, utilizando a escala de Desenvolvimento Motor (EDM) preconizada por Rosa Neto (2002) e na sequência as crianças que apresentarem desempenho insatisfatório nos testes serão encaminhadas para a Clínica Escola de Fisioterapia do CESUMAR para participar de um programa de estimulação psicomotora, que constará de 10 sessões de fisioterapia convencional com duração de 50 minutos, realizadas 2 vezes por semana, enfatizando atividades que exijam desestabilização corporal nas posturas sentada, de gato, ajoelhada, semi- ajoelhada e em pé. Após o tratamento fisioterapêutico, será realizada a aplicação da mesma escala de avaliação para verificação dos resultados alcançados e os dados serão analisados através dos testes T-Student e Qui- quadrado, sendo adotado como nível de significância 5%. Deste modo, espera- se que as crianças com TDAH submetidas ao tratamento fisioterapêutico obtenham melhora do desempenho motor nos testes relacionados ao equilíbrio corporal.pt_BR
dc.languagepor-
dc.publisherUNIVERSIDADE CESUMARpt_BR
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectDesenvolvimento motorpt_BR
dc.subjectHiperatividadept_BR
dc.subjectMotricidadept_BR
dc.titleANÁLISE DO EQUILÍBRIO DE CRIANÇAS COM TRANSTORNO DE DÉFICIT DE ATENÇÃO/HIPERATIVIDADE PRÉ E PÓS TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICOpt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.initialsUNICESUMAR-
Aparece nas coleções:VII EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (25 à 28 de Outubro de 2011)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
marcela_cantagalli.pdfTrabalho apresentado na modalidade grupo de discussão no VII EPCC Encontro Internacional de Produção Científica (25 a 28 de outubro de 2011)105.29 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.