EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica XI EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (29 à 30 de Outubro de 2019)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4173
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorPELLOSO, Murilo Fuentes-
dc.creatorOLIVEIRA, Lucas Vinicius Andrade-
dc.creatorBRELAZ, Erika Cristina Dias de Oliveira-
dc.creatorMOREIRA, Joane Paola Papaleo Costa-
dc.creatorFELIZARI, Vinicius Arestides-
dc.creatorPONTES, Solan Chagas-
dc.date.accessioned2020-01-13T14:06:04Z-
dc.date.available2020-01-13T14:06:04Z-
dc.date.issued2019-10-30-
dc.identifier.isbn978-85-459-1960-5-
dc.identifier.urihttp://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/4173-
dc.description.abstractO presente estudo objetivou avaliar a produtividade de genótipos de milho para a produção de milho verde e diferentes populações de plantas em sistema solteiro e consorciado com braquiária(Brachiaria brizantha) na região Leste do Amazonas. O delineamento experimental utilizado foi de blocos casualizados com parcelas sub subdivididas, em esquema fatorial 2x4x4, cujos tratamentos compuseram- se da combinação de dois sistemas de cultivo (milho solteiro e milho +braquiária), quatro cultivares de milho (AG1051, AL Avaré, BR106 e NS70)e quatro populações de plantas(30; 50; 70 e 90 mil plantas ha- 1), com quatro repetições. A partir da colheita,foram avaliadas as características: produtividade de espigas com palhas (PECP) e produtividade de espigas verdes despalhadas (PEVD). Os dados foram submetidos a análise de variância pelo teste F (5%), aplicando- se o teste de Tukey (5%) para fatores qualitativos e análise de regressão para o fator quantitativo. Os sistemas de cultivo não influenciaram significativamente as características avaliadas. O fator cultivar afetou significativamente apenas a PEVD e a população de plantas exerceu influência significativa para ambas as características. Não foram observadas interações significativas entre os fatores estudados. Os híbridos de milho verde AG 1051, AL Avaré e NS70 foram os mais produtivos nas condições do presente estudo, independentemente se produzidos de forma “solteira” ou em consorcio com braquiária. A população de 66.667 plantas ha- 1 foi a que apresentou maior produtividade de espigas com palha e a população de 75.000 plantas ha- 1 foi a mais indicada para produção de espigas verdes despalhadas.pt_BR
dc.languagepor-
dc.publisherUNIVERSIDADE CESUMARpt_BR
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectBrachiaria brizanthapt_BR
dc.subjectConsórciopt_BR
dc.subjectILPpt_BR
dc.subjectZea mays Lpt_BR
dc.titlePOPULAÇÃO DE PLANTAS E PRODUÇÃO DE MILHO VERDE CONSORCIADO COM BRAQUIÁRIA EM TERRA FIRME NO ESTADO DO AMAZONASpt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.initialsUNICESUMAR-
Aparece nas coleções:XI EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (29 à 30 de Outubro de 2019)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
VINICIUS FELIZARI.pdfTrabalho apresentado na modalidade painel no XI Encontro Internacional de Produção Científica (29 a 30 de outubro de 2019)211.2 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.