EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica XI EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (29 à 30 de Outubro de 2019)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/3628
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSANTOS, É verton da Silva-
dc.creatorCASTRO, Juliana Cristina-
dc.creatorCABRAL, Márcia Regina Pereira-
dc.creatorMANGOLIN, Claudete-
dc.creatorOLIVEIRA, Arildo Braz de-
dc.creatorGONÇALVES, Regina Aparecida Correia-
dc.date.accessioned2019-12-13T11:32:49Z-
dc.date.available2019-12-13T11:32:49Z-
dc.date.issued2019-10-30-
dc.identifier.isbn978-85-459-1960-5-
dc.identifier.issn2594-4991-
dc.identifier.urihttp://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/3628-
dc.description.abstractCereus peruvianus Mill. é nativo de regiões áridas e apresenta aplicações farmacêuticas e alimentícias. A cultura de calos representa uma alternativa biotecnológica para obtenção de compostos biologicamente ativos. A utilização de elicitores é uma ferramenta para a modulação metabólica vegetal, visando a melhora na produção destes compostos. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi determinar compostos fenólicos e atividade antioxidante dos extratos e frações obtidos dos calos de C. peruvianus submetidos a diferentes tempos de exposição a UV- C. Os calos foram expostos a UV- C por diferentes tempos 10 a 60 min e controle negativo sem exposição. Após foram sub- cultivados em meio MS e incubados a 30 ºC por 45 dias sob fotoperíodo de 16 h. Após o cultivo foram realizadas extração por Soxhlet (S) EtOH 70% e maceração (M) MeOH, a partir destes foi avaliado o conteúdo de compostos fenólicos nos extratos resultantes e atividade antioxidante contra DPPH. Os resultados mostraram que a elicitação com UV- C por 20 min,apresentou médias superiores de compostos fenólicos totais,no método de maceração foi de 406,58 μg de EAG/mg, seguido do método de Soxhlet 86,72μg de EAG/mg, corraborando com os resultados encontrados com a atividade antioxidante com CE50 8,15 mg/mL para UV- C 20 (M-FD) e de 48,96mg/mL com o UV- C 20 (S). A elicitação com UV- C em 20 min melhorou a produção de compostos fenólicos alterando o metabolismo dos calos por mecanismo de defesa celular, contribuindo com a melhora da atividade antioxidante.pt_BR
dc.languagepor-
dc.publisherUNIVERSIDADE CESUMARpt_BR
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectCultura celularpt_BR
dc.subjectMetabolismo vegetalpt_BR
dc.subjectEstresse bióticopt_BR
dc.titleINFLUÊNCIA DA LUZ UV - C NA BIOPRODUÇÃO DE COMPOSTOS FENÓLICOS EM CULTURA DE CALOS DE Cereus peruvianus Mill.pt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.initialsUNICESUMAR-
Aparece nas coleções:XI EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (29 à 30 de Outubro de 2019)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ÉVERTON SILVA SANTOS.pdfTrabalho apresentado na modalidade painel no XI Encontro Internacional de Produção Científica (29 a 30 de outubro de 2019)387.65 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.