EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica X EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (24 à 26 de Outubro de 2017)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/1888
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSANTOS, Brenda Gabriela Cavagnini dos-
dc.creatorANTUNES, Mateus-
dc.creatorYAMAGUCHI, Mirian Ueda-
dc.creatorMACUCH, Regiane da Silva-
dc.creatorBERTOLINI, Sônia Maria Marques Gomes-
dc.date.accessioned2019-08-19T20:05:09Z-
dc.date.available2019-08-19T20:05:09Z-
dc.date.issued2017-10-24-
dc.identifier.isbn978-85-459-0773-2-
dc.identifier.issn2594-4991-
dc.identifier.urihttp://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/1888-
dc.description.abstractO presente estudo teve como objetivo conhecer o perfil dos egressos titulados entre agosto de 2011 a abril de 2016, do Programa de Pós-Graduação stricto sensu em Promoção da Saúde, do Centro Universitário de Maringá, bem como as suas perspectivas no mercado de trabalho. A amostra foi constituída por egressos que foram convidados a participar da pesquisa por meio de correio eletrônico, junto com uma carta de apresentação sobre o projeto e o instrumento de coleta de dados acompanhados do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). Para coleta de dados foi utilizado um questionário semiestruturado. Foram utilizados dados primários (coletados diretamente dos egressos) sobre a inserção no mercado de trabalho e dados secundários dos arquivos da secretaria da Pós-Graduação sobre a formação acadêmica, a produtividade durante o programa e proficiência em língua estrangeira. Os dados foram tabulados no Programa Excel 2013 e tratados por meio das estatísticas descritivas e inferenciais. Com o estudo contatou-se que a maioria dos egressos eram graduados em enfermagem e fisioterapia e do sexo feminino, com idade entre 25 a 35 anos, com bom domínio de língua estrangeira e já atuavam como docentes antes de ingressarem no programa de pósgraduação. A motivação para o ingresso no curso esteve relacionada a atuação na docência por 70% dos egressos. Conclui-se que embora seja reduzido o número de egressos do mestrado, matriculados em cursos de doutorado, o mestrado em promoção da saúde possibilitou um aumento significativo na produção cientifica dos egressos.pt_BR
dc.languagepor-
dc.publisherUNIVERSIDADE CESUMARpt_BR
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectpromoção da saúdept_BR
dc.subjectavaliaçãopt_BR
dc.subjectestudantespt_BR
dc.titleEGRESSOS DE UM PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PROMOÇÃO DA SAÚDE: PERFIL E PERCEPÇÕES SOBRE O CURSOpt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.initialsUNICESUMAR-
Aparece nas coleções:X EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (24 à 26 de Outubro de 2017)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
epcc--79583.pdfTrabalho apresentado na modalidade painel no X Encontro Internacional de Produção Científica (24 a 26 de outubro de 2017)189.42 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.