EVENTOS EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica X EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (24 à 26 de Outubro de 2017)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/1165
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSILVA, Sabrina Tainara-
dc.creatorMARQUES, Mayza Catalani-
dc.creatorPALÁCIO, Siméia Gaspar-
dc.creatorWITTIG, Daniela Saldanha-
dc.date.accessioned2019-08-06T16:31:55Z-
dc.date.available2019-08-06T16:31:55Z-
dc.date.issued2017-10-24-
dc.identifier.isbn978-85-459-0773-2
dc.identifier.issn2594-4991
dc.identifier.urihttp://rdu.unicesumar.edu.br/handle/123456789/1165-
dc.description.abstractO presente estudo terá como objetivo avaliar os efeitos da fisioterapia na dor, na qualidade de vida e na amplitude de movimento de pacientes com ombro doloroso decorrente de Acidente Vascular Encefálico. Serão selecionados 10 indivíduos com hemiparesia decorrente de AVE, de ambos os gêneros, com sintomas da Síndrome do ombro doloroso e com bom nível de compreensão. Os mesmos serão triados da lista de espera da Clínica escola de fisioterapia da Unicesumar do setor de Neurologia. Serão excluídos do estudo indivíduos que apresentarem algum déficit cognitivo, deformidades, subluxações da articulação glenoumeral e/ou outros traumas de origem ortopédica relacionadas a essa articulação. Posteriormente, será feito contato telefônico e agendada a avaliação inicial onde será feita a mensuração da amplitude de movimento da articulação glenoumeral, através da goniometria, a aplicação da Escala Visual Analógica (EVA) e do questionário de qualidade de vida (SF-36). Na sequência, os pacientes serão submetidos a 10 sessões de fisioterapia, realizadas 2 vezes por semana durante 50 minutos, onde será utilizado o ultrassom de 1MHz com tempo de aplicação variado de acordo com área tratada, mobilização escapular, exercícios ativo-assistidos, alongamentos e exercícios ativos livres. Espera-se que ao final do tratamento esses pacientes possam apresentar uma melhora na amplitude de movimento, na redução da dor e na qualidade de vida. Ao término da avaliação, os pacientes serão reavaliados utilizando os mesmos instrumentos para verificação dos resultados alcançados e os dados serão analisados estatisticamente utilizando o nível de significância de 5%.pt_BR
dc.languagepor-
dc.publisherUNIVERSIDADE CESUMARpt_BR
dc.rightsAcesso Aberto-
dc.subjectFisioterapiapt_BR
dc.subjectHemiparesiapt_BR
dc.subjectReabilitaçãopt_BR
dc.titleEFEITOS DA INTERVENÇÃO FISIOTERAPÊUTICA NA SÍNDROME DO OMBRO DOLOROSO EM PACIENTES COM ACIDENTE VASCULAR ENCEFÁLICO (AVE)pt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.publisher.countryBrasil-
dc.publisher.initialsUNICESUMAR-
Aparece nas coleções:X EPCC - Encontro Internacional de Produção Científica (24 à 26 de Outubro de 2017)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
epcc--80004.pdfTrabalho apresentado na modalidade painel no X Encontro Internacional de Produção Científica (24 a 26 de outubro de 2017)167.38 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.